CORETO ANDERSEN

NAVEGUE PELA PROGRAMAÇÃO CULTURAL DO FD2021 E PASSEIE PELA CIDADE SEDEDO EVENTO

Este espaço é uma homenagem ao pintor, escultor, decorador, cenógrafo, desenhista e professor norueguês radicado no Brasil Alfred Emil Andersen (Christianssand 1860 — Curitiba 1935). É considerado o "pai da pintura paranaense”.

Mais informações [Museu Casa Alfredo Andersen]

INTRAVISTAS

Por Matilde Lombardi

Intravistas é um documental gráfico que registra diferentes pontos de vista pessoais em torno de nossa relacão com os alimentos à partir da perspectiva do Food Design.

CURITIBA

Curitiba é uma palavra de origem Guarani: kur yt yba quer dizer "grande quantidade de pinheiros, pinheiral", na linguagem dos índios, primeiros habitantes do território. Nos primórdios da ocupação humana, as terras onde hoje está Curitiba apresentavam grande quantidade de Araucaria angustifolia, o pinheiro-do-Paraná. A árvore adulta tem a forma de uma taça. Sua semente é o pinhão, fonte de proteína e alimento de grande consumo, in natura ou como ingrediente da culinária regional paranaense. O pinhão servia de alimento a um pássaro também encontrado em grande quantidade no começo da ocupação do território: a gralha-azul (Cyanocorax caeruleus). Fonte: Curitiba Turismo

CONHEÇA CURITIBA

Conheça os principais atrativos turísticos da cidade de Curitiba com as fotos 360º da capital do Paraná, um dos três Estados que compõem a Região Sul do Brasil.

Faça uma visita virtual e conheça as exposições que já passaram pelo Museu Oscar Niemeyer

O primeiro mercado público da cidade de Curitiba surgiu em 1864, no antigo Largo da Ponte, atual Praça Zacarias, em um imóvel de propriedade do governo da província do Paraná e localizado numa construção ao lado do Rio do Ivo. O mercado era popularmente chamado de Mercado dos Quartinhos. Em 1869, o governo requisitou a desocupação do local e assim o mercado desapareceu por quatro anos, até que em 1873, no dia do aniversário da emancipação do Paraná, em 19 de dezembro, foi lançada a pedra fundamental para a construção de uma nova sede, agora localizado no Largo da Cadeia, atual Praça Generoso Marques. Em 11 de outubro de 1874, foi inaugurado o novo Mercado Municipal de Curitiba. Em 1890 o Largo da Cadeia foi rebatizado como Largo do Mercado.

Em 1912, o prédio foi fechado e demolido para dar lugar ao Paço Municipal, e assim o mercado foi transferido provisoriamente para o Largo da Nogueira, atual Praça 19 de Dezembro. Em 1915, nova transferência, agora para um imóvel em estilo Chalet, no Batel, que ficava onde é hoje a Praça Theodoro Bayma. Neste endereço permaneceu até 1937, quando foi demolido e novamente os curitibanos ficaram sem um entreposto fixo para a compra de víveres.

Com a execução do projeto Agache, foi planejado para a cidade um lugar específico para o Mercado Municipal, porém, a execução não saiu do papel e neste meio tempo a prefeitura regulamentou as feiras livres, assim os hortifrutigranjeiros percorriam os bairros da capital para a venda de seus produtos. Cada dia da semana era em uma diferente região.

Nei Braga, quando eleito prefeito em 1954, aprovou a Lei n° 1.136/1955, que determinou a construção do "novo" Mercado Municipal de Curitiba. Entre maio de 1956 e julho de 1958, o projeto do engenheiro Saul Raiz foi executado em um terreno, defronte às oficinas da antiga Rede Ferroviária, atual Rodoferroviária de Curitiba, inaugurado em 2 de agosto de 1958.

Em 2010, foi reformado e ampliado, passando a ocupar toda a quadra entre a Avenida Sete de Setembro e a Avenida Presidente Affonso Camargo. [Fonte: Wikipedia]

Walking Tour


Drone Tour


Drive Tour


Night Drive Tour


Foto: Acervo MUPA

MUSEU PARANAENSE

Mantido pelo governo estadual, foi fundado em 25 de setembro de 1876, sendo considerado o terceiro museu mais antigo do Brasil.

Conheça a história de Curitiba - Paraná

Curitiba é um município brasileiro, capital do estado do Paraná, localizado a 934 metros de altitude no Primeiro Planalto Paranaense, a mais de 110 quilômetros do Oceano Atlântico, distante 1 386 km a sul de Brasília, capital federal. Com 1 963 726 habitantes, é o município mais populoso do Paraná e da região Sul, além de ser o 8.º do país, segundo estimativa populacional calculada pelo IBGE para 2021. Fundado em 1693, a partir de um pequeno povoado bandeirante, Curitiba tornou-se uma importante parada comercial com a abertura da estrada tropeira entre Sorocaba e Viamão, vindo, em 1853, a ser a capital da recém-emancipada Província do Paraná. Desde então, a cidade, conhecida pelas suas ruas largas, manteve um ritmo de crescimento urbano fortalecido pela chegada de uma grande quantidade de imigrantes europeus ao longo do século XIX, na maioria, alemães, poloneses, ucranianos e italianos, que contribuíram para a atual diversidade cultural {Fonte Wikipedia}.

Foto: Leticia Akemi

FEIRA DO LARGO DA ORDEM

A incrível feira de artesanato do Largo da Ordem agora é também virtual. Conheça os artesãos e seus produtos.